Sabe o que eu mais admiro nas pessoas?

Não, não é o sucesso profissional, pessoal ou qualquer outro status que, supostamente, a define.

O que me encanta é a forma como ela enxerga sua vida, e a dos outros a sua volta.

O jeito como ela sorri. Um riso fácil, sincero. Que ilumina o dia de quem está por perto, e nos faz acreditar que a vida pode ser bonita.

Me agrada aqueles que sabem manter um papo tranquilo, sem interesses, sem hora marcada. Daquela conversa que te faz perder a noção do tempo.

Gosto mesmo é de quem tem caráter, que se torna uma pessoa digna de respeito. Daquelas pessoas que não estão interessadas em formas de passar a perna, mas sim de abraçar com carinho, de acolher a alma, sem pensar em recompensas.

Qualquer forma de exagero me intriga. Acredito que os excessos são meras tentativas de mostrar aquilo que não se é. Por isso, prefiro a leveza.

A serenidade me desperta paz.

Venha até mim com calma. Sente-se, puxe uma cadeira. Me conte com seus olhos tudo aquilo que a tanto tempo esconde até de si mesmo. Prometo te acolher de braços abertos.

Mas, por favor, não tente me convencer daquilo que não é. Será em vão e te fará gastar uma energia indispensável para sua integridade. Não perca seu tempo com isso.

Gosto das essências.

O mundo está sedento de humildade e gentileza. Pratique sem moderação.

Gosto mesmo é de pessoas que se dedicam a enxergar um pouco além do seu mundo. Que para alguns instantes para perceber o outro. Que entende que a vida só tem sentido quando partilhada com alguém que amamos.

A simplicidade me fascina.

Gosto de quem carrega as estrelas nos olhos, e segue iluminando vidas por onde passa.

Anúncios